,

Dia 30 de setembro é o dia mundial do tradutor!

E você sabe o motivo da escolha deste dia? Nós da Spell vamos te contar.
Foi no dia 30 de setembro que São Jerônimo, um dos tradutores mais conhecidos mundialmente e hoje considerado o santo padroeiro dos tradutores, faleceu. Ele ficou conhecido por traduzir a Bíblia do grego antigo e do hebraico para o latim, permitindo o contato de muitas pessoas com o livro sagrado, fato o qual temos influência até hoje encontrando a Bíblia em diversas línguas.
O dia mundial do tradutor foi instituído apenas em 1991, pela Federação Internacional dos Tradutores (FIT), cuja data tem o intuito de celebrar e incentivar a profissão e a formação de mais profissionais nesta área que se encontra em constante crescimento.

Muitos acreditam que a função do tradutor não é tão importante devido ao mundo tecnológico que nos encontramos. A ideia de que as máquinas fazem tudo hoje em dia inclui a possibilidade de poder traduzir, e desta forma, substituir o trabalho do tradutor. Mas este é um assunto para um próximo post!
Você sabe o que faz um tradutor?
O tradutor faz a versão escrita de livros, documentos e textos em geral de uma língua para outra. Ele pode também ser intérprete que traduz oralmente palestras, discursos, reuniões e videoconferências. Além de interpretar e traduzir, o tradutor pode também fazer a legendagem de filmes, vídeos, séries e programas de TV internacionais. Outra função bastante presente no mundo da tradução é a tradução juramentada na qual o tradutor trabalha com documentos oficiais, como procurações, certidões e contratos. Porém, essa função é permitida apenas por tradutores aprovados em concurso público.
Quais as principais competências que um tradutor precisa ter?
O tradutor deve dominar ambas as línguas a serem trabalhadas, principalmente a materna. Além disso, ele deve conhecer a gramática, as gírias e as expressões dos países em questão e ter muita responsabilidade e organização. Outra competência importante para esta área é saber trabalhar sob pressão, pois, na maioria das vezes, o tradutor terá que lidar e gerenciar prazos bastante apertados. Um diferencial do tradutor seria conhecer os costumes, as tradições e a cultura dos povos estrangeiros além de ser apaixonado por leitura e ser uma pessoa curiosa! A pesquisa será sua maior aliada no dia a dia de trabalho! Quanto mais bagagem e informação o tradutor tiver, melhor é o resultado final de seu trabalho.
Onde encontrar cursos para se tornar um tradutor?
O curso pode ser encontrado em faculdades de letras. Entre as faculdades conhecidas por oferecerem os cursos de tradução, as mais conhecidas do estado de São Paulo são PUC – São Paulo, UNIMEP de Piracicaba, PUC- Campinas, UNESP de São José do Rio Preto, Universidade Metodista de São Bernardo do Campo, UNINOVE, UNASP – Engenheiro Coelho, USC Bauru e também a ALUMNI.

Separamos um teste vocacional para você saber se teria perfil para ser um tradutor:

http://guiadoestudante.abril.com.br/testes-vocacional/sera-letras-curso-certo-voce-740630.shtml

A tradução não é apenas a transformação de uma língua para a outra, é a pesquisa, a dedicação, o conhecimento de outras culturas e assuntos, entre outros.
O nosso desejo hoje é que a nossa profissão se torne cada dia mais conhecida, admirada e valorizada. Somos uma forma de comunicação e estamos em constante evolução!
Parabéns a todos os tradutores!

Texto escrito por Natália Guerra

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

24 + = twenty five